Por ser Autista, Criança é impedida de participar de brincadeira no Circo de Cheirozinho em Salgueiro

Saiba mais!

No último sábado (24), uma mãe resolveu sair de casa para levar o filho com espectro autista e duas sobrinhas para acompanhar o espetáculo do Circo do Cheirozinho, que está instalado na Avenida Coronel Veremundo Soares, em Salgueiro.

O momento que deveria ser de alegria, leveza, magia e entretenimento, terminou sendo marcado por um ato de exclusão do circo. No momento do espetáculo, um Palhaço, menor de idade, que se apresentava começou a interação com a plateia convidando crianças para o palco. Nesse momento, a criança autista se deslocou até o local para participar.

Quando o Palhaço percebeu que a criança estava usando o colar de girassol perguntou ao ouvindo se ela era autista, tendo a confirmação pelo menino. Foi nessa hora, que Palhaço disse a criança que ela não podia participar da brincadeira por ser autista e pediu que se retirasse para voltar para a mãe.

Os familiares da criança se revoltaram com a situação e ainda estão abalados, por conta dos traumas que esses tipos de atitudes desumanas deixam na vida.

Essa notícia vem repercutindo nas redes sociais em Salgueiro. Após esse relato, a Pediatra Dra Caroline Teles, que também é mãe atípica, gravou um vídeo explicando o ocorrido. Essa postagem serviu para indignação dos municípes e até relato de mães atípicas sobre a exclusão que sentiram por parte do circo quando participaram também de um espetáculo. Até o fechamento dessa matéria, o Circo do Cheirozinho não se pronunciou.

 

 

Tags:
salgueiro
Author
Thiago Lima

Thiago de Lima Silva, natural de Salgueiro-PE, tem 31 anos. Iniciou no Rádio aos 17 anos de idade.

Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Contador de visitas